Logo Crypto News Br
Pesquisar
Close this search box.

Bitcoin e Ethereum são “imunes” a ataques de 51%: eis o porquê

Divisor Crypto News Br
Bitcoin e Ethereum são “imunes” a ataques de 51%: eis o porquê
O que você vai ler:

Num mundo onde a segurança digital se tornou um dos maiores desafios para as tecnologias emergentes, o Bitcoin (BTC) e o Ethereum (ETH) destacam-se como bastiões da resiliência.

Um estudo recente da Coin Metrics revela que ambas as redes estão agora considerado imune a ataques de 51%uma garantia que reforça a sua segurança e os posiciona como melhores criptomoedas para investir no longo prazo. A possibilidade de um ataque de 51% tem sido uma preocupação constante para blockchains que operam sob mecanismos de prova de trabalho e prova de participação.

Tal ataque ocorreria se um ator mal-intencionado conseguisse controlar a maior parte do poder de mineração ou de estaqueamento da rede. Teoricamente, isso permitiria manipular transações e comprometer a integridade do blockchain. Porém, a análise realizada pela equipe Coin Metrics, composta por Lucas Nuzzi, Kyle Waters e Matias Andrade, introduziu o conceito de “Custo Total de Ataque” (CTA). Esta métrica inovadora quantifica o custo exorbitante que tal ataque implicaria.

De acordo com as suas conclusões, o CTA para as redes Bitcoin e Ethereum é tão proibitivo que torna a viabilidade de tais ataques praticamente nula para qualquer entidade, incluindo estados-nação.

Bitcoin e Ethereum: dois gigantes em termos de segurança

O estudo indica que Um ataque ao Bitcoin exigiria uma quantidade astronômica de recursos, especificamente a aquisição de cerca de 7 milhões de equipamentos de mineração ASIC, a um custo aproximado de 20 bilhões de dólares. Além disso, a escassez de equipamentos ASIC disponíveis no mercado torna esse feito ainda mais improvável.

Quanto ao Ethereum, as preocupações sobre ataques de 34% via staking de validadores, especialmente com o aumento de derivados de staking líquidos como o LidoDAO, também foram consideradas infundadas. O relatório sugere que, além de ser extremamente dispendioso, um tal ataque seria logisticamente complexo e levaria meses a implementar, com um custo que ultrapassaria 34 bilhões de dólares. O volume de transações de criptomoedas na Espanha atingiu 60.000 milhões de euros no ano passado, de acordo com um relatório do Banco de Espanha.

A pesquisa da Coin Metrics não apenas alivia preocupações de segurança de longa data, mas também marca um ponto de viragem na percepção do blockchain como uma tecnologia madura e robusta. A análise meticulosa baseada em dados oferece uma nova perspectiva sobre a estabilidade e segurança do Bitcoin e do Ethereum, duas das maiores e mais influentes criptomoedas do mercado.


O conteúdo e os links fornecidos neste artigo são apenas para fins informativos. A CriptoNoticias não oferece recomendações ou conselhos jurídicos, financeiros ou de investimento, nem substitui a devida diligência de cada interessado. A CriptoNoticias não endossa nenhum investimento ou ofertas similares promovidas aqui. Para mais informações visite nosso Aviso Legal.

Fonte

Acompanhe o mercado hoje

bitcoin
bitcoin

Bitcoin (BTC)

Price
$ 65,089.00
ethereum
ethereum

Ethereum (ETH)

Price
$ 3,165.59
dogecoin

Dogecoin (DOGE)

$ 0.162816
cardano

Cardano (ADA)

$ 0.505672
polkadot

Polkadot (DOT)

$ 7.20
chainlink

Chainlink (LINK)

$ 14.92

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Controle Sua Privacidade

Nosso site usa cookies para melhorar a navegação. Ao continuar navegando neste site você concorda com os nossos termos abaixo:

Políticas de privacidadeTermos de uso